CLEMILDO BRUNET DE SÁ

VEJO A LUA BEIJANDO O FIRMAMENTO

Zé Dantas
Por José Dantas*

É o sol que à LUA ilumina,
faz a noite tornar-se mais bonita
num período sistêmico que agita,
na beleza singela que fascina,
é saudável pra noite nordestina
na perfeita função da aquarela,
que no colo do mundo beija e sela
com desejo do corpo mais sedento,
VEJO A LUA BEIJANDO O FIRMAMENTO
E
AS ESTRELAS RONDANDO AO LADO DELA



Vejo a LUA candente, cor de prata,
clareando de noite todo espaço,
dando beijo na área do regaço,
fulgurando a paisagem da cascata.
Passa livre, tranqüila e se dilata
desfilando na longa passarela,
como a noiva que finge a cinderela,
promovendo o maior divertimento,
VEJO A LUA BEIJANDO O FIRMAMENTO
E AS ESTRELAS RONDANDO AO LADO DELA.

*José de Sousa Dantas nasceu em 21/11/1954, no sítio São João, em Pombal - Paraíba; engenheiro civil pela UFPB (1977), com mestrado pela Escola de Engenharia de São Carlos - SP (1980). Casado, pai de três filhas. Funcionário do Estado da Paraíba desde 1980, iniciado na Secretaria do Planejamento e, atualmente, assessor da Secretaria das Finanças. Poeta, escritor, autor do Livro “A História do Meu Lugar - Contos e Versos” (1998); coordenador da elaboração de livros e CDs da cultura popular e promovente dos encontros de poetas e repentistas, realizados em João Pessoa e Pombal.
Tem elaborado vários poemas, alguns constantes das seguintes coletâneas: Anais do I Grande Encontro de Poetas e Repentistas em João Pessoa (1999); Uma Noite Estrelada de Poesia em Pombal (2000); A Fortuna do Repente (2000), VERSOS ITINERANTES (2001); NO MUNDO DA POESIA - Pombal Revive Cantando o que Leandro Sonhou (2001); Poetas Encantadores (Zé de Cazuza, 2001).
Conquistou o primeiro lugar com o Poema “O Construtor da Poesia”, no VII Festival Sertanejo de Poesia (FESERP) - Prêmio Augusto dos Anjos, realizado em 18/12/1999, em Aparecida - PB.
Atualmente, continua elaborando poesias, colaborando com alguns sites.

Enviado pelo professor, escritor, pesquisador do cangaço e gonzaguiano José Romero de Araújo Cardoso

Nenhum comentário: